Quero-quero

Hoje vou falar desse pássaro que é bem comum, mas eu não conhecia muito, o QUERO-QUERO (Vanellus Chilensis). Dias atrás, eu estava voltando da faculdade a noite e num terreno do lado da minha casa vi dois desses pássaros cantando e correndo por lá. Fui lá ver, mas o bicho é esperto, saiu voando e me deixou pensando que bicho era aquele (rsrsrsrs). Nunca tinha visto, de noite estava mais difícil ainda enxergar alguma coisa, só ouvia.

Aí, dias depois, eles voltaram (devem ter sido os mesmos), só que durante o dia. Fui até lá e tirei essa foto:




Mostrei pro meu pai (que conhece bem os pássaros daqui) e ele me disse que era um quero-quero, que eu imaginava ser bem diferente. Então fui dar uma pesquisada porque fiquei curioso, foi a primeira vez que esses pássaros vieram aqui na rua de casa. Achei um artigo muito bom no Saúde Animal, falando um pouco sobre ele:

"DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA: América do Sul, desde a Argentina e leste da Bolívia até a margem direita do baixo Amazonas, no Brasil.
HABITAT: Habita as grandes campinas úmidas e os espraiados dos rios e lagoas.
CARACTERÍSTICAS: Possui 2 esporões sob as asas. Faz o ninho no chão.O quero-quero é uma ave do tamanho de uma perdiz e caracteriza-se pelo colorido geral cinza-claro, com ornatos pretos na cabeça, peito e cauda. A barriga é branca e a asa tem penas verde-metálicas. Apresenta um penacho na região posterior da cabeça; o bico e as pernas são vermelhadas e tem um par de esporões no encontro das asas.
O quero-quero é sempre o primeiro a dar o alarma quando algum intruso invade seus domínios. É uma ave briguenta que provova rixa com qualquer outra espécie habitante da mesma campina. As capivaras tiram bom proveito da convivência com o quero-quero, pois, conforme a entonação, o grito dessa ave pode significar perigo. Então os grandes roedores procuram refúgio na água. O quero-quero, afasta os intrusos que se aproxima de seu ninho, fingindo-se ferido."


Ele faz muito barulho mesmo e achei na Wikipédia o áudio do canto dele.

Diz meu pai que ele aparece muito nas fazendas aqui da região, é muito comum. Mas é meio difícil vir pra cidade, talvez por isso eu tenha me interessado por ele, ainda mais porque atualmente são muitos os pássaros além de pardais e pombos que vêm pra cá.

___________________
Fonte:
Saúde Animal - Quero-quero

Quero-quero Quero-quero Reviewed by Túlio Lima Botelho on 00:11 Rating: 5

Um comentário:

  1. esta ave para nós gaúchos tem um significado especial ela éh conhecida como " Mensageiro dos Pampas", pois logo que anuncia a chegada de forasteiros as fazendas fazendo grandes revoadas e alaridos

    ResponderExcluir