Aventuras na Escrita Científica (4) - Espécies Exóticas (I)

Fim de ano chegando e monografia terminada, apresentada e aprovada!!! Fiquei um bom tempo sem postar aqui, principalmente no "Escrita Científica". Os últimas detalhes do TCC me deixaram super ocupado, mas agora que tudo já passou volto a postar e vou falar sobre a pesquisa: espécies exóticas e os impactos causados pela sua introdução.


Espécie exótica é aquela que está vivendo fora de sua área de ocorrência, que pode ser países diferentes ou ecossistemas diferentes dentro de um mesmo território político. Elas podem ser transportadas de um local para outro de diversas maneiras e o ser humano é peça fundamental neste transporte de espécies.

No Brasil, muitos seres vivos foram trazidos para fins ornamentais, econômicos e até de estimação, como a maioria das plantas cultivadas em larga escala, plantas de jardim e animais de estimação. Exemplos clássicos são cães, bois, cabras, laranjeiras, magueiras, cafeeiro e muitas outras espécies muito comuns.

Quando chegam ao novo ambiente, as espécies exóticas passam por um tempo decisivo, chamado fase de latência (lag phase), onde elas vão "enfrentar" o novo ambiente para se adaptarem a  ele; caso ocorra essa adaptação, elas vão viver ali, coexistindo com as espécies nativas e dando início a um processo de invasão, neste caso chamada BIOINVASÃO, e muitos impactos ocorrerão a partir daí.

Os principais impactos que a introdução de espécies exóticas pode causar afetam o meio ambiente, a economia da região onde foram introduzidas e a saúde das populações locais. Muitas vezes ocorrem de forma isolada, mas na maioria um desencadeia outro impacto, causando grandes prejuízos.


Este é um pequena introdução deste tema que eu achei muito interessante, espero que gostem. Ainda voltarei a comentar mais sobre a bioinvasão em outras postagens, dando mais detalhes de todo esse processo e exemplos bem próximos de espécies exóticas. Até!
Aventuras na Escrita Científica (4) - Espécies Exóticas (I) Aventuras na Escrita Científica (4) - Espécies Exóticas (I) Reviewed by Túlio Lima Botelho on 11:00 Rating: 5

Nenhum comentário: