O futuro da Rio+20

Será? Tomara que sim... =/
A Rio+20 começou cheia de esperanças: todos esperam que o que for discutido na conferência mude a forma de como conduzimos o planeta. Vamos preservar os oceanos? A economia verde é a solução?  Várias propostas estavam em discussão para fazer parte do documento da Conferência, que vem sendo analisado pelos delegados dos países desde semana passada. 

Depois de uma semana discutindo os pontos sobre o documento final da Rio+20, as delegações finalmente entraram em um acordo sobre o texto, que começará a ser discutido hoje pelos chefes de Estado. Infelizmente, ele não está como muitos esperavam. 

  • A transformação do Pnuma numa agência das ONU ficou para a próxima; ele será fortalecido, mas como isso será feito só na Assembleia Geral da ONU em setembro;
  • O fundo para a economia verde parece que não vingou. Muitos não querem pagar essa conta e alegam que a crise influenciou essa decisão;
  • Por falar em economia verde, esse asusnto não rendeu muita coisa. O termo virou oficial, mas nada de definições, competências, métodos;
  • A proteção dos oceanos avançou um pouco, com instrumentos de uso sustentável da biodiversidade oceânica;
  • Os ODS (objetivos de desenvolvimento sustentável) também não saíram do papel. Nenhuma definição feita, talvez numa reunião em 2013.

Esses são alguns pontos do relatório final. Embora finalmente os delegados tenham chegado a um acordo, ainda não é muito bem o que o povo esperava. Tudo bem que são períodos de crise, mas o que fosse decidido na Rio+20 é para ser feito com ou sem crise, deveria ter assumido riscos na esperança de tudo isso passar.

Agora fazer um texto onde praticamente só falou o que tem que fazer, mas nada de concreto, é simplesmente não avançar, perda total de tempo. Saber o que tem que ser feito todos sabem, o povo esperava que fosse dito COMO isso acontecerá. Parece que no relatório isso não está bem claro, só adia o inevitável. Algo terá que ser feito, mais cedo ou mais tarde. Por que não fazem isso de uma vez?

Resta esperar o que os chefes de Estado vão discutir sobre esse documento. Será que vão modificar alguma coisa? Vão sugerir e assumir compromissos para a melhoria do planeta e dos seres que vivem nele? Só resta esperarmos até sexta, quando a conferência acaba. Nos resta também continuar lutando por atos mais concretos, como os decididos hoje na reunião do C40. Os prefeitos das maiores cidades do mundo firmaram acordo de redução de emissões, um dos atos mais concretos da Rio+20 até agora.
O futuro da Rio+20 O futuro da Rio+20 Reviewed by Túlio Lima Botelho on 10:00 Rating: 5

Nenhum comentário: