Descoberta da dupla hélice completou 60 anos

Uma das maiores descobertas da biologia no século XX foi, sem dúvida, a dupla hélice do DNA. Os estudos de James Watson e Francis Crick na década de 1950 foi o ponto alto dos estudo sobre genética e hereditariedade desde que Mendel fez seus estudos com as ervilhas 90 anos antes. E no último dia 25, essa descoberta completou 60 anos desde que foi publicada na revista Nature em 25 de abril de 1953.

Biologia na Rede

O trabalho destes dois biólogos, vencedores do Nobel de Fisiologia e Medicina de 1962, decifrou, finalmente, como era a molécula responsável por praticamente tudo na vida de qualquer ser vivo. Até então, sabia-se que a transmissão de caracteres hereditários estava escondida no DNA, mas não se sabia muito bem como essa transmissão ocorria e como se portava essa "misteriosa" molécula nesse momento.

Com a compreensão de como era e como se portava essa molécula, foi dado o pontapé inicial à inúmeras pesquisas na área de genética, que abrangem áreas desde medicina, passando por produção de alimentos e estudos sobre a evolução das espécies.

E essas pesquisas colocaram a compreensão que o homem tem dos seres vivos num patamar muito elevado, pois hoje já são conhecidas as substâncias que formam o código genético e com isso já é possível modificar os seres vivos para determinadas situações; embora muitos achem um risco enorme, outros veem isso como o futuro.

Independente do seu ponto de vista, o certo é que as pesquisas de Watson e Crick e de tantos outros brilhantes cientistas, como Rosalind Franklin, permitiram que a humanidade possuísse um conhecimento inimaginável: o da compreensão dos pormenores da constituição dos seres vivos. Um conhecimento perigoso como alguns podem dizer, mas tremendamente valioso.
Descoberta da dupla hélice completou 60 anos Descoberta da dupla hélice completou 60 anos Reviewed by Túlio Lima Botelho on 11:27 Rating: 5

Nenhum comentário: