11/09 - Dia do Cerrado

O Brasil é um país com grandes dimensões, abrigando um mosaico de formações vegetais impressionante. No centro do país, está localizada uma formação que, embora possa ignorada por muitas pessoas, abriga uma diversidade imensa, cujas nascentes alimentam as principais bacias hidrográficas do país. No dia de hoje, lembremos do Cerrado.

O Cerrado é o segundo maior bioma brasileiro, estendendo-se, originalmente, por 1.783.200 km². Ocupava porções dos estados de Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Tocantins e pequenas porções em outros seis estados. Infelizmente, estima-se que hoje ainda restem 19,5% de sua área original. Mesmo assim, é considerado o bioma savânico com maior biodiversidade do mundo, superando as savanas africanas.



O bioma é caracterizado pelos campos com árvores baixas, de troncos retorcidos. Mas se você olhar bem, perceberá que o Cerrado possui uma vegetação heterogênea, constituindo as chamas unidades fitofisionômicas:

- campo limpo: de vegetação herbácea, poucos arbustos e nenhuma árvore;
- campo sujo: com fisionomia herbáceo-arbustiva com arbustos e subarbustos espaçados entre si;
- campo rupestre: tipo de vegetação encontrada em altitudes superiores a 900 m, onde predominam ervas e arbustos em afloramentos rochosos, podendo ocorrer arvoretas pouco desenvolvidas;
- Cerrado sentido restrito: a formação típica desse bioma, com árvores baixas e retorcidas, arbustos, subarbustos e ervas;
- cerradão: com árvores altas e composição distinta;
- Cerrado sentido amplo: que apresenta vegetação de todas as outras fitofisionomias (campo limpo, campo sujo, Cerrado sentido restrito, campo rupestre e cerradão).

Nessas fitofisionomias vivem muitas espécies de animais, como o lobo-guará, cachorro-do-mato-vinagre, seriema, tatu-canastra, jaguatiricas... E esses animais vivem em meio a inúmeras nascentes de rios que abastecem o Brasil. Pra você ter uma ideia, é no Cerrado que nascem muitos rios que vão alimentar o rio Amazonas e a planície do Pantanal. Também é no Cerrado que nasce o rio São Francisco, importante rio que abastece muitos lugares da Caatinga, no Nordeste brasileiro.


Porém, como eu disse alguns parágrafos acima, só restam 19,5% do Cerrado original. Os quase 80% que faltam foram convertidos em lavouras, pastagens ou detonados por causa da mineração. E essas transformações foram feitas contaminando os rios do Cerrado, cortando e queimando sua vegetação.

A situação do Cerrado se agrava ainda mais com a expansão da fronteira agropecuária. Essa expansão ameaça a integridade de todas as relações existentes no bioma, colocando em risco não só a vida silvestre, mas também todas as pessoas que dependem do Cerrado para sobreviver.

A solução para esses problemas está na forma de como as pessoas interagem com o Cerrado. Obter do bioma apenas aquilo que é útil pode ser feito, desde que respeite-se os limites da natureza. Cabe aos tomadores de decisão lançar políticas, leis e afins que estimulem o uso sustentável, valorizando a vida que reside no coração do Brasil.
11/09 - Dia do Cerrado 11/09 - Dia do Cerrado Reviewed by Túlio Lima Botelho on 15:30 Rating: 5

Nenhum comentário: